Operador de guindaste revela medo de famosos em subir no alto de carros

Publicado | Comentários desativados

Maioria tem medo, dizem operadores. Dercy subia ‘na boa’, lembram.
G1 subiu cerca de 25 metros em um dos guindastes da Sapucaí.

Para ficar no alto de um carro alegórico, é preciso entrar em uma espécie de gaiola e subir de 25 a 30 metros do chão, com a ajuda de técnicos. São os profissionais do chamado Carvalhão, um enorme guindaste que fica tanto no início quanto no fim da Sapucaí.

G1 subiu no guindaste para ver a sensação dos destaques do carro. A vista de cima é sensacional, mas o frio na barriga é grande (confira vídeo no site G1).

São cinco máquinas de cada lado. A maioria dos integrantes, segundo os operadores, sente medo na hora H.

“Tem que ser bem rápido para não atrasar a escola e tem que ter cuidado com a pessoa”, explica um dos mais experientes operadores, com 15 anos de sambódromo, José Sérgio Nascimento.

Nascimento já ajudou muita gente famosa a ficar no alto. Segundo ele, nunca houve um acidente durante a operação delicada.

Com nove anos de Avenida, Ailton Barbosa da Silva lembra dos carnavais que passou trabalhando. “Dercy Gonçalves subia na boa. A Xuxa uma vez não queria descer na dispersão, ficou com medo. A grande maioria fica com medo. Tem gente que fica tremendo”, diz.

Segundo Silva, a atriz Susana Vieira é uma das poucas que gostam da máquina. “Ela adora subir. Ela vê e fala: ‘Carvalhão!’”, conta. “Joãosinho Trinta era tranquilo, mas depois que passou para a cadeira de rodas ele teve medo”, lembra.

Como funciona

Duas pessoas operam a máquina, enquanto uma fica no local da gaiola. Outros dois profissionais sobem com o integrante.

Eles se falam por rádio. O grupo chega às 18h e só sai depois da última escola terminar o desfile.

“Quando a gente está trabalhando é difícil ver a escola. Mas quando estamos em descanso, enquanto o grupo da outra máquina trabalha, dá para ver, é legal”, diz Nascimento.

Dentro da cabine do Carvalhão, ar-condicionado e monitor computadorizado. Uma câmera mostra para quem está operando o guindaste os limites da máquina.